Deputados lamentam morte de Jô Soares

Brasília, sexta-feira, 5 de agosto de 2022 - 11:15

HOMENAGEM

Deputados lamentam morte de Jô Soares


Por: Da Redação

Parlamentares destacam inteligência, bom humor e irreverência como marcas do apresentador, humorista e escritor que partiu aos 84 anos.

Reprodução
O "beijo do gordo", marca registrada do final dos programas de Jô Soares

O Brasil amanheceu mais triste nesta sexta-feira (5) com a notícia da morte do apresentador, humorista, ator e escritor Jô Soares, nesta madrugada, aos 84 anos. Ele estava internado desde o final de julho no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo.

Parlamentares lamentaram a partida de Jô em suas redes sociais e destacaram a irreverência, inteligência e humor, que marcaram sua trajetória.

Em todas as suas atividades artísticas – entrevistador, ator, escritor, dramaturgo, diretor, roteirista, pintor... –, Jô Soares teve o humor como marca registrada.

“Amanhecemos com a triste notícia da morte de Jô. Artista completo. Homem inteligente, de humor refinado, enriquecia as noites da TV brasileira com boas entrevistas. Na TV, no teatro, na literatura esbanjou irreverência e erudição. Um grande talento que fará falta. Meus sentimentos aos amigos, familiares. Um beijo, gordo!”, comentou o líder do PCdoB na Câmara, deputado Renildo Calheiros (PE).

O deputado Daniel Almeida (PCdoB-BA), em referência às tantas entrevistas feitas por Jô, lembrou que ele “nos fez sentar em família, mesmo tarde da noite, para conhecer tantas histórias de vida”. “Nos fez ir ao teatro, ver TV, ler livros e admirar a arte em suas diversas faces. Sentiremos falta”, lamentou o parlamentar.

“Perdemos um artista completo, uma mente aberta e aguçada que, com humor, trazia temas sérios para o debate. Era único”, destacou a deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ).

Já a deputada Alice Portugal (PCdoB-BA) afirmou que o Brasil acordou “mais sem graça”. “Perdemos esse artista único, inteligente, sagaz, atento aos principais assuntos do país.  Obrigada, Jô, pelo seu talento, pela sua graça e sua dedicação à arte!”, disse.

A deputada Perpétua Almeida (PCdoB-AC) também lamentou a passagem de Jô. “Que tristeza amanhecer aqui no Acre, com 2 horas de diferença do restante do Brasil, e ver as notícias da morte de Jô Soares! Logo ele, que a vida inteira nos fez rir, agora nos faz chorar. Vai em paz, Jô! Que Deus te receba de braços abertos”, escreveu.

O deputado Orlando Silva (PCdoB-SP) afirmou que muito antes das redes sociais, a diversidade de opiniões passava nas entrevistas do Programa do Gordo. O parlamentar lembrou de uma delas, feita em 1989, quando Jô estava no SBT, e entrevistou Luiz Carlos Prestes, então com 91 anos.

“Comunicador, escritor, humorista e democrata. Nós da esquerda e movimentos sociais, sempre tivemos voz por lá. No vídeo, Luiz Carlos Prestes. Vá em paz!”
 









Últimas notícias

Notícias relacionadas

Sobre nós
Contatos

Área Restrita
Login
Liderança do PCdoB na Câmara dos Deputados
Praça dos Três Poderes, Câmara dos Deputados, anexo II, sala T-12
Brasília-DF - 70160-900 - Telefone: 55 (61) 3215-9732
ascompcdobcd@gmail.com