Brasileiros querem nação justa e desenvolvida, avaliam deputados sobre liderança de Lula em pesquisa

Brasília, quarta-feira, 11 de maio de 2022 - 9:50

POLÍTICA

Brasileiros querem nação justa e desenvolvida, avaliam deputados sobre liderança de Lula em pesquisa


Por: Christiane Peres

Nova rodada da Genial/Quaest aponta liderança consolidada de Lula no cenário eleitoral. Para deputados, projeções revelam que brasileiros estão cansados de sofrer com Bolsonaro.

Reprodução da Internet

A mais recente rodada da pesquisa Genial/Quaest, divulgada nesta quarta-feira (11), traz o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) com 46% das intenções de voto, contra 29% do presidente Jair Bolsonaro (PL). Se as eleições presidenciais de 2022 ocorressem hoje, Lula venceria a disputa já no primeiro turno, indica a pesquisa contratada pelo Banco Genial.

De acordo com o levantamento, o ex-presidente cresceu um ponto percentual em relação à pesquisa anterior, de um mês atrás. Na sequência, aparecem o ex-ministro Ciro Gomes (PDT), com 7%; o ex-governador João Doria (PSDB) e o deputado federal André Janones (Avante), ambos com 3%; a senadora Simone Tebet (MDB) e o cientista político Felipe d’Avila (Novo), empatados com 1%. Luciano Bivar (União Brasil) não pontuou. Os adversários de Lula, somados, alcançam 44% – dois pontos percentuais a menos que o petista.

Para os deputados do PCdoB, o resultado da pesquisa aponta um desejo de mudança. “O Brasil está cansado de sofrer tantos flagelos com Bolsonaro. O povo quer ter uma nação justa e desenvolvida”, avaliou o deputado Daniel Almeida (PCdoB-BA).

Para ele, é hora de colocar o país “no rumo que acreditamos que ele merece”.

O deputado Orlando Silva (PCdoB-SP) também comentou o resultado da pesquisa em suas redes e reforçou a importância de derrotar o projeto bolsonarista nas urnas.

“Lula tem 46% das intenções de voto contra 29% do Coisa Ruim. Em eventual 2° turno, Lula bateria de cinta em Bolsonaro: 54% a 34%. Sem salto alto, mas sem medo de rosnado fascista. Vamos à luta derrotar a corja!”, afirmou o deputado.

Felipe Nunes, diretor da Quaest, nota que, “após um mês repleto de atos, declarações e equívocos de ambos os lados” – Bolsonaro e Lula –, a marca da pesquisa é a estabilidade. O ex-presidente consolida sua vantagem a cinco meses da eleição.

“O favoritismo de Lula continua sendo explicado pela relevância da economia real na vida do cidadão. Para 50%, a economia é o principal problema enfrentado pelo país hoje”, afirmou Felipe no Twitter.

Esses 50% se dividem entre os 19% mais preocupados com a crise econômica; os 18% que apontam a inflação como principal problema; e os 13% que citam o desemprego. Além disso, 62% avaliam que a economia piorou no último ano.

A pesquisa Genial/Quaest ouviu dois mil eleitores, presencialmente, de 5 a 8 de maio. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.
 









Últimas notícias

Notícias relacionadas

Sobre nós
Contatos

Área Restrita
Login
Liderança do PCdoB na Câmara dos Deputados
Praça dos Três Poderes, Câmara dos Deputados, anexo II, sala T-12
Brasília-DF - 70160-900 - Telefone: 55 (61) 3215-9732
ascompcdobcd@gmail.com