Oposição faz esforço concentrado para derrotar PEC do Calote em 2º turno

Brasília, segunda-feira, 8 de novembro de 2021 - 16:37

POLÍTICA

Oposição faz esforço concentrado para derrotar PEC do Calote em 2º turno


Por: Do Portal Vermelho

Os parlamentares trabalham para virar votos. No PCdoB, por exemplo, Márcio Jerry (MA) retorna ao mandato para reforçar posicionamento da bancada contrário à matéria e tirar voto favorável à PEC de suplente.

Pablo Valadares/Agência Câmara

A Câmara dos Deputados deve decidir esta semana, em segundo turno, se rejeita ou aprova a PEC dos Precatórios, que autoriza o governo Jair Bolsonaro a promover um calote na ordem de R$ 95 bilhões nos precatórios (dívidas do governo com sentença judicial definitiva) e no teto de gastos. Na votação da semana passada, a proposta foi aprovada por 312 votos, quatro a mais do que o necessário.

Para conseguir reverter essa situação, lideranças da Oposição apostam que o plenário virtual do Supremo Tribunal Federal (STF) confirme a decisão da ministra Rosa Weber, que suspendeu a liberação de recursos do Orçamento Secreto (emenda do relator) e deu um prazo de 24h para que a Casa se explique sobre irregularidades na tramitação da matéria.

Além disso, os parlamentares trabalham para virar votos, uma vez que nos próprios partidos do campo, a exemplo do PDT e PSB, deputados votaram a favor da matéria.

O vice-líder do PCdoB na Câmara, Orlando Silva (SP), prevê uma semana decisiva. “A luta para derrotar a PEC do Calote ganhou impulso nos últimos dias. Temos nos esforçado para virar votos e derrotar essa aberração. Dar um cheque em branco de 90 bilhões para Bolsonaro fazer campanha eleitoral é uma insanidade”, criticou.

O deputado Rubens Jr (PCdoB-MA) também se manifestou sobre a matéria que pode ser pautada nesta terça-feira (9). "Na semana passada, o PCdoB na Câmara votou 'não', mas a #PECdoCalote foi aprovada. O STF deu 24h para a Câmara explicar as emendas do Orçamento Secreto. O povo brasileiro passa fome enquanto bilhões em recursos são distribuídas com zero transparência. Temos que derrubar de uma vez por todas a #PECdoCalote!", destacou o parlamentar.

“A batalha contra a PEC do Calote continua. Amanhã será o segundo turno da votação e nós estamos trabalhando muito para reverter os votos dos que foram favoráveis à proposta. Nós queremos o pagamento do auxílio aos mais pobres e isso pode der feito sem o calote de R$ 90 bilhões”, escreveu no Twitter o líder da Minoria, Marcelo Freixo (PSB-RJ).

O líder da Oposição na Casa, Alessandro Molon (PSB-RJ), aposta também numa posição favorável no STF. “Esperamos que a decisão da ministra Rosa Weber de suspender os pagamentos das emendas do orçamento secreto seja confirmada no plenário do STF. São bilhões de reais distribuídos sem qualquer transparência, enquanto o povo está com fome. Um escândalo sem precedentes”, protestou.

Na mesma linha, o líder do PT, Bohn Gass (RS), acredita num caminho pela via judicial. “Espero que STF confirme a liminar da ministra Rosa Weber, que proíbe as famigeradas emendas de relator. É urgente dar fim à manobra do “orçamento secreto” do Bolsonaro, prática que fere a legalidade, a impessoalidade, a moralidade, a transparência e a eficiência.

Retorno

No esforço de impedir o avanço da matéria, a bancada do PCdoB – que foi uma das poucas que votou em sua totalidade contra a PEC dos Precatórios no primeiro turno – contará ainda com o retorno do deputado Márcio Jerry (MA), para a votação desta semana. O parlamentar retoma o mandato de deputado federal a partir desta segunda-feira (8) e retira mais um voto favorável à PEC, o do seu suplente, Gastão Vieira (Pros-MA), que votou com o governo na matéria.

Em sua conta no Twitter, Jerry afirmou que volta para “votar NÃO à PEC do Calote nos precatórios dos professores. Votar em defesa dos professores e professoras, em defesa da educação.”

O parlamentar está licenciado desde janeiro de 2021, quando assumiu a Secretaria das Cidades e Desenvolvimento Urbano do Maranhão.









Últimas notícias

Notícias relacionadas

Sobre nós
Contatos

Área Restrita
Login
Liderança do PCdoB na Câmara dos Deputados
Praça dos Três Poderes, Câmara dos Deputados, anexo II, sala T-12
Brasília-DF - 70160-900 - Telefone: 55 (61) 3215-9732
ascompcdobcd@gmail.com